Quem paga?

O tempo de leitura estimado deste artigo é de 1 minutos

Ajuda, ajuda…sim, tudo bem, mas donde chega esta ajuda?
Afinal, quem paga?

No próximo mês de Maio será activada a ajuda para Portugal: um rio de dinheiro que terá como objectivo evitar a falência oficial dum País já falido. E antes já tinham sido “ajudados” outros dois Países, a Grécia e a Irlanda. Qual a origem de todo este dinheiro?

O fundo de ajuda da União Europeia tem, em princípio, uma capacidade de 440 mil milhões de Euros, mais o dinheiro do Fundo Monetário Internacional (280 mil milhões), mais uns trocos como os do bilateral loans e EFSM.
Total: 865 mil milhões de Euros, suficientes para “salvar” pequenas economias.

No seguinte gráfico é possível observar em que medida cada entidade (Fundo Europeu, Fundo Monetário Internacional, entre outros) e cada País intervém na constituição destes 865 mil milhões:

Assim, os maiores contribuidores do Fundo Europeu são, na ordem, Alemanha, França, Italia e…Espanha? Exacto: por enquanto Espanha ainda não precisa duma intervenção, por isso, sendo a 4ª economia da Zona Euro, faz parte do Fundo de ajuda.

Mais interessante até é o segundo gráfico: mostra quanto dinheiro foi gasto até agora (já considerando a intervenção portuguesa) e quanto sobra.

O montante ainda disponível parece notável, mas a verdade é que até agora foram “salvas” economias pequenas.
Uma ajuda à Espanha, por exemplo, acabaria o “bolo” num instante…

Fonte: Intermarket&More

One Reply to “Quem paga?”

  1. O montante restante será para Espanha (q ainda vai falir nesse ano), França e Itália, esses até 2012. Aí sim vai começar a ruína total com a falência oficial dos Estados Unidos, e o início de uma III guerra mundial entre o Islã e a China contra os EUA e a Europa. Só a Rússia que não sei de que lado estará.

Obrigado por participar na discussão!

%d bloggers like this: