Redundant

Dívida, acções, inflação…é normal falar destes assunto ao pensar nas Bolsas. Por isso é normal esquecer que as Bolsas de Valores são locais de trabalho, onde operam pessoas como nós: com medos, esperanças, inseguranças, sobretudo numa altura complicada como esta. A crise económica atinge também quem trabalha “no outro” lado…

Ler mais... Redundant

Entrevista: Saskia Sassen

Recebidos pelas Bolsas como verdadeiro oxigénio, o compromisso alcançado pelos ministros das Finanças da UE é, ao invés um desastre para Saskia Sassen. Eis uma entrevista com esta estudiosa de origem holandesa, que ensina na Columbia University, na London School of Economics e é considerada uma das maiores autoridades intérpretes…

Ler mais... Entrevista: Saskia Sassen

As contas duma Sexta-feira infeliz

Muito bem. Vamos contar mortos e feridos? Vamos. Primeiro: os dados. Madrid -6,64%; Milão -4,9%Paris -4,59%; Lisboa -4,27%; Londres -3,32%; Atenas -3,13%. Entretanto Wall Street abriu em baixa: Nasdaq -2,59 e Dow Jones -1,99. Frankfurt e Tokio também fecharam com sinais negativos. Mais ninguém? Ah, pois: o Euro. Na altura…

Ler mais... As contas duma Sexta-feira infeliz

Duas soluções

Informazione Scorretta do amigo Felice realça hoje um artigo de James Rickards. James Rickards G. é escritor, advogado, economista e General Counsel of Long-Term Capital Management. Mr. Rickards formou-se na University School of Law, New York, na Universidade de Pennsylvania Law School, obteve um mestrado em economia na School of…

Ler mais... Duas soluções

Qual o jogo?

Há algo de errado. Banco Central Europeu e o FMI aplaudem os duros cortes feitos pelos Países em situação de risco da zona do euro. “Sacrifícios necessários”, feitos para o bem comum. E uma pessoa aceita o sacrifício se houver um objectivo: aperta o cinto porque está convencida que as…

Ler mais... Qual o jogo?

O manager camponês

Um alarme após o outro: um jogo perverso que resulta numa alta pressão. O Banco Central Europeu (BCE) adverte: A consolidação orçamental terá que exceder significativamente o ajustamento estrutural de 0,5 por cento do PIB, numa base anual, como requisito mínimo estabelecido no Pacto de Estabilidade e Crescimento E continua:…

Ler mais... O manager camponês

Um tranquilo estado de falência

Ohhhh finalmente uma boa notícia Made in EUA. e que ontem passou em silêncio: em Abril de 2010, o deficit orçamental dos EUA. atingiu o novo recorde negativo de todos os tempos! Com dados tão animadores deve ser por isso que a Bolsa americana funciona em grande, os dados trimestrais…

Ler mais... Um tranquilo estado de falência

Uma janela sobre o Brasil

A partir de hoje podem encontrar um novo link entre as Leituras aconselhadas. Trata-se do blog O outro lado da notícia, de Osvaldo Bertolino. Bertolino é jornalista, pesquisador da Fundação Maurício Grabois e editor do portal desta instituição (fmauriciograbois.org.br). Foi director de imprensa do Sindicato dos Metroviários de São Paulo,…

Ler mais... Uma janela sobre o Brasil

As receitas milagrosas

Espanha e Portugal são os Países do grupo PIGS que nestes dias apresentam as próprias estratégias para a contenção e redução do deficit. No entanto, Bruxelas pediu para que França e Italia também façam um pouco de ordem nas contas públicas. O Reino Unido quer avançar com um corte de…

Ler mais... As receitas milagrosas

Bancos: como de costume

Na América prossegue a investigação que, segundo as intenções, deveria esclarecer alguns “pontos obscuros” do mundo da finança. Segundo a quantidade de “pontos” que os investigadores irão analisar, a tarefa poderia levar algumas dezenas de anos, acrescentamos nós. Provavelmente um trabalho que os investigadores transmitirão de pai para filho. No…

Ler mais... Bancos: como de costume
%d bloggers like this: