Morte dum sommelier

Lorenzo Orsetti era chefe de profissão, sommelier (“escansão” em bom português), e trabalhava em Firenze. Ficou interessado na luta do povo curdo contra o Estado Islâmico: conheceu Paolo Andolina, activista e anarquista italiano que lutou contra o Isis ao lado dos curdos do YPG. Em Setembro de 2017, Lorenzo viajou…

Ler mais... Morte dum sommelier

Decifrar Trump

“Uma grande nação não deveria fazer guerras intermináveis”: esta é a passagem mais significativa do Discurso da União de Donald Trump. Trump é assim: alterna coisas inteligentes a emeritos disparates. No caso concreto, estamos perante uma coisa “quase” inteligente (“uma grande nação nunca deveria fazer guerras” seria a versão correcta),…

Ler mais... Decifrar Trump

Provocações

No dia 12 de Janeiro, forças israelitas disparam mísseis contra o aeroporto internacional (civil) de [wiki]Damasco[/wiki]. É o primeiro ataque de [wiki title=”Tel Aviv”]Tel Aviv[/wiki] contra a Síria em 2019 e é uma descarada provocação contra a Rússia. Companhias aéreas do Bahrein, do Omã e dos Emirados expressaram a intenção…

Ler mais... Provocações

Os Estados Unidos abandonam os curdos

Cedo ou tarde os curdos vão aprender. Pelo visto demora, mas vão aprender. Pegamos no caso de Trump: quando o jogo fica rijo (isso é: politicamente sério), o Presidente americano vai-se embora. Já não é tempo de disparar mísseis, já não é altura de criar false flags: com a retirada…

Ler mais... Os Estados Unidos abandonam os curdos

A caminho de Helsínquia

Faltam duas semanas para a cúpula planeada com o Presidente russo Putin em Helsínquia, e o líder norte-americano Donald Trump volta a falar da Crimeia a bordo do Air Force One: “Vamos falar sobre a Ucrânia, vamos falar sobre a Síria, vamos falar sobre as eleições”. No centro da agenda,…

Ler mais... A caminho de Helsínquia

O jogo dos Rothschild na Síria

Não há apenas a democracia, as armas nucleares ou os interesses locais de israel na guerra contra a Síria e o Irão. Como sempre, para entender aquelas que são as razões mais profundas (e autênticas) temos que seguir o fluxo do dinheiro. Qual a principal riqueza do Médio Oriente? O…

Ler mais... O jogo dos Rothschild na Síria

Israel ataca Damasco

Israel não esperou muito para lançar o seu ataque após o Presidente Trump ter anunciado a saída dos Estados Unidos do acordo nuclear iraniano. Esta noite, a defesa aérea síria interceptou mísseis lançados pelas forças israelitas contra Damasco, provavelmente disparados por aviões que lançaram mísseis de longa distância. A força…

Ler mais... Israel ataca Damasco

Ataque anti-semita no coração da Europa

O anti-semitismo avança e continua a fazer vítimas nesta Europa cada vez mais populista e fora de controle. O último episódio, diligentemente relatado pelos órgãos de comunicação social, aconteceu na Alemanha, onde um grupo de assassinos atacou dois jovens hebraicos, que agora lutam entre a vida e a morte. Pronta…

Ler mais... Ataque anti-semita no coração da Europa

Após o ataque: as consequências

Berzah depois do ataque Há uma parte da imprensa internacional que fica insatisfeita com o ataque perpetrado contra a Síria. “Mais, mais!” é a palavra de ordem. Que, não por mero acaso, é quanto pede israel, porque a tentativa de Netanyahu de arrastar EUA e a Europa para uma guerra…

Ler mais... Após o ataque: as consequências

Síria: as contas do Pentágono

Nada melhor do que a matemática (que eu sempre odiei). Quantos mísseis foram lançados? Mais duma centena? Muito bem. Segundo o Pentágono, as defesas da Síria não conseguiram acertar numa única destas armas. E mais: o General McKenzie foi muito claro em determinar quais alvos foram centrados, quantos e por…

Ler mais... Síria: as contas do Pentágono
%d bloggers like this: