França, a democracia feliz (com morto)

Um idoso no chão, estrangulado por um policia. Deve ser na Rússia. Só pode ser na Rússia, pois é aí que o regime actua contra os seus próprios cidadãos com estes métodos. Aqui, na Europa da livre Democracia, tais coisas não acontecem. Não somos bárbaros, há direitos. Mas então por…

Ler mais... França, a democracia feliz (com morto)

Franco CFA: colonialismo à francesa

O período colonial francês na África acabou há muito. Mas algo sobrou. O quê? Como sempre: sigam o dinheiro. O Franco CFA nasceu em 1945 no período colonial, tanto que a sigla CFA significava “Colónias Francesas da África” e no final da década de 1960, após a épocas das independências,…

Ler mais... Franco CFA: colonialismo à francesa

Venezuela: a amostra de golpe, operação mediática

Qual o sentido? Que dizer, uma pessoa observa o tentado mini-golpe na Venezuela e pergunta qual pode ser o sentido de tudo isso. Não temos números confiáveis, mas parece bastante claro que a adesão não foi nada impressionante. Possível um erro de avaliação tão flagrante? Duvido. Do outro lado, fala-se…

Ler mais... Venezuela: a amostra de golpe, operação mediática

O Iraque vira: Hashid Shaabi, novo pesadelo sionista

O líder do Movimento Nacional Iraquiano, Seyed Ammar al-Hakim, disse que o seu País não sucumbiu à pressão de Washington para cumprir as sanções dos EUA contra o Irão. Nos comentários da passada Quinta-feira, Hakim disse que o actual governo iraquiano não se curvou à pressão dos EUA: O governo…

Ler mais... O Iraque vira: Hashid Shaabi, novo pesadelo sionista

As revoltas em Haiti

Fortes protestos populares no Haiti contra o governo Moïse. Desde o início desta nova onda de protestos, no passado 7 de Fevereiro, houve várias mortes entre os manifestantes. Segundo fontes jornalísticas, as estimativas variam entre 7 e 12 vítimas, enquanto fontes da oposição falam de 52 mortes. Os protestos contra…

Ler mais... As revoltas em Haiti

O vulcão esquecido da Nigéria

Enquanto os media alternativos de meio mundo atiram para a atmosfera excruciantes dores por causa da Venezuela, outras tragédias são alegremente ignoradas, mesmo que o assunto esteja relacionado com um outro País que vive mergulhado no petróleo, mesmo que a situação do ponto de vista económico e social seja até…

Ler mais... O vulcão esquecido da Nigéria

O futuro do império americano

Alfred McCoy é um dos melhores historiadores dos Estados Unidos. Prémios e reconhecimentos não faltaram ao longo da sua longa carreira: não é conhecido ao grande público porque os historiadores não gozam de notoriedade e porque as suas pesquisas sempre foram profundas e incómodas. Quando se publica um livro como…

Ler mais... O futuro do império americano

A contracepção no Terceiro Mundo

O que aconteceu ontem em Ferrara é o espelho do que está a acontecer em várias cidades italianas, de Torino a Roma, Napoli, Macerata e Catania, onde a máfia nigeriana tomou o controle militar do território e exerce livremente as suas actividades lucrativas de tráfico de drogas, exploração da prostituição…

Ler mais... A contracepção no Terceiro Mundo

As regras do jogo, os árbitros e os adeptos

Imaginem um jogo de futebol no qual todos os jogadores seguem as regras. Bonito, não é? É só vantagens: menos tempo perdido por causa das faltas, menos infortúnios, mais tempo de jogo efectivo. Agora imaginem o mesmo jogo no qual alguns atletas decidem não seguir as regras, fazer batota: por…

Ler mais... As regras do jogo, os árbitros e os adeptos

O assassinato do Prefeito de Gdansk

…pelo que, após alguns dias super-atarefados, retomamos o discurso e vamos falar do assassinato do Prefeito de Gdansk, [wiki title=”Paweł Adamowicz”]Pawel Adamowicz[/wiki], morto por mão dum assassino solitário de 27 anos: aparentemente um criminoso comum, apenas saído de prisão e com uma história de tratamentos para esquizofrenia. A coisa mais…

Ler mais... O assassinato do Prefeito de Gdansk
%d bloggers like this: