Mas hoje temos o smartphone!

Vivemos numa época feliz. É o tempo da democracia: nada de aristocracia e classes privilegiadas. Somos todos iguais. , assim é. Depois vejo um velho relatório do CENSIS (Centro Studi Investimenti Sociali, um instituto de pesquisa socioeconómica italiana) com dados intrigantes: os dez italianos mais ricos têm activos na ordem…

Ler mais... Mas hoje temos o smartphone!

O homem que salvou o mundo

Acham que a , em 1962, foi o maior perigos evento que poderia ter eclodido numa guerra nuclear? Errado. E isso é preocupante numa altura em que o clima da Guerra Fria parece estar de volta. O nome de Stanislav Evgrafovich Petrov é quase totalmente desconhecido. No entanto, deveria ser…

Ler mais... O homem que salvou o mundo

Poluição Parte I: COP24 e Great Smoke

Como acontece todos os anos, os poderosos da Terra reúnem-se para continuar as negociações climáticas e deter o Aquecimento Global abaixo de 1.5 ° C. Tapetes vermelhos, novos crachás, cordões policiais em ocasião da vigésima quarta edição num dos piores locais que seria possível escolher: Katowice, na Silésia (Polónia), uma…

Ler mais... Poluição Parte I: COP24 e Great Smoke

O verdadeiro Bush

Com a morte do ex-Presidente dos Estados Unidos, (1924-2018), aparecem comentários jornalísticos e institucionais que exaltam a sua figura. La Repubblica, o diário da Esquerda italiana: Foi o último campeão de uma América que morre, a América da “Grande Geração”, a grande geração que ganhou, não só para si, o…

Ler mais... O verdadeiro Bush

Como a economia tornou-se uma religião

Passeando alegremente pela internet, encontrei este artigo do diário inglês The Guardian. Que depois não é verdade: o artigo é de 2017 mas foi republicado hoje por um blog italiano que costumo seguir. Então foi procurar o original, ainda disponível no site do diário. A teoria que fica na base…

Ler mais... Como a economia tornou-se uma religião

EUA: mais de 20 milhões de mortos desde a II Guerra Mundial

A Primeira Guerra Mundial (1914 – 1918) custou aproximadamente 16 milhões de vidas entre militares e civis. O preço da Segunda Guerra Mundial (1939 – 1945) foi muito mais elevado: 68 milhões de vidas. Feitas as contas, em 31 anos foram mortas 84 milhões de pessoas. Algo que deixa sem…

Ler mais... EUA: mais de 20 milhões de mortos desde a II Guerra Mundial

Os piores experimentos sobre humanos no último século

…e acabamos o dia com algo mórbido, procurando no lado mais escuro e inconfessável dos Homens. Vamos falar de experimentação e pesquisa sobre seres humanos, uma prática horrível que acontece desde tempos imemoriais e que conheceu as suas piores páginas durante os períodos de aprisionamento e escravidão. Algumas das experiências…

Ler mais... Os piores experimentos sobre humanos no último século

A pré-história dos outros

…e tudo começa com uma pedra. Neste caso, uma pedra plana e bem sólida. O macaco capuchinho (também conhecido como macaco-prego) coloca a noz no centro da pedra, depois agarra numa outra pedra maciça e bate com força na casca. É um movimento fluido e limpo porque repetido inúmeras vezes.…

Ler mais... A pré-história dos outros

As guerras de Bento XVI

Por qual razão, em Fevereiro de 2013, o Papa Bento XVI renunciou repentina e inexplicavelmente ao cargo de Papa? Um salto atrás, até o dia 14 de Maio de 2005: “A eleição do novo papa” é o título do documento de sete páginas que a Embaixada dos EUA na Santa…

Ler mais... As guerras de Bento XVI

A questão judaica: Benjamin Freedman – Parte II

E vamos ler a restante parte do discurso de Ben Freedman: Quando a guerra terminou, e os alemães foram para Paris para a Conferência de Paz em 1919, lá estavam 117 judeus como representantes da delegação dos Estados Unidos, dirigidos por Bernard Baruch. Eu estava lá. Eu sei. Agora o…

Ler mais... A questão judaica: Benjamin Freedman – Parte II
%d bloggers like this: